ACONTECEU EM PINHEL A MAIOR FEIRA DE INVERNO DA BEIRA INTERIOR

Em Pinhel, aconteceu a  23ª edição da feira das tradições da região de Guarda. O evento também contou com actividades económicas. Em 2018 o evento teve 200 expositores, mais de uma dezena de tasquinhas, dois palcos e ainda teve um espaço reservado para para vinhos produzidos no município e produtos locais como mel, azeite e doçaria. Ainda para esse ano o evento contou com a representação de oito stands institucionais da Espanha.
O projecto e-DOURO_EXP que é uma ferramenta com o objetivo de integrar e otimizar as capacidades produtivas das empresas localizadas dentro do território do Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Duero-Douro, pode ser uma ajuda para os empresários presentes na feira, por apoiar a comercialização dos seus produtos através da exportação.
Como as edições anteriores, o destaque ficou para as freguesias, as empresas, os serviços e as instituições do concelho, assim como para a gastronomia, o artesanato e os produtos locais. A organização que é a cargo da autarquia, apostou forte no cartaz musical e os destaques para esta edição foram: Resistência sexta, HMB sábado e Matias Damásio no domingo.

A programação do primeiro dia inclui ainda o espetáculo (21 horas) “Músicas da nossa vida – Disney”, pela Academia de Música e Banda Filarmónica locais e Banda Diplix, bem como dos Prós e Contras (22h30), “Os Red” (1h30) e “Insert Coin” (3h00). A Banda Neim e Putzgrilla completam o cartaz do segundo dia, que inclui ainda as atuações da Filarmónica de Pínzio (17h30), 2 Roll e os Trovas da Beira.

Para o último dia da feira o palco teve, a partir das 15h30, dois grupos de concertinas, bombos e do rancho folclórico do concelho, e também o grupo Repúblika (21h30) que vai animar um baile de Carnaval e concurso de máscaras, seguido do DJ Ibérica.

Paralelamente, o certame incluiu no sábado um colóquio sobre o tema desta edição (14h30), que contará, entre outros, com a presença do maestro José Ferreira Lobo, mentor e coordenador do projeto “Ópera no Património”, que resulta de uma candidatura conjunta de vários municípios, entre os quais o de Pinhel.

Escrito por Interior e editado na AECT Duero-Douro.

 

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *