FORAM CRIADAS EM PORTUGAL 21 MIL NOVAS EMPRESAS, ONDE AS DE TURISMO TEVE DESTAQUE COM 1/3 DO TOTAL

Até o último mês de maio, as empresas dos sectores ligados ao turismo apresentaram quase 30% das novos empreendimentos.

Nos meses de janeiro a maio de 2018 nasceram 20.942 empresas e outras organizações, esses número são 12,9% do que no mesmo período em 2017, acentuando-se a dinâmica de nascimentos do ano anterior, revela o mais recente Barómetro da Informa D&B. Apesar do crescimento ser generalizado a quase todas as actvidades, os setores ligados ao turismo reforçam a sua contribuição para as novas empresas, em especial nos distritos de Lisboa, Porto e Setúbal.

Se evidência em Portugal as atividades de animação turística e de agências de viagens; as Atividades Imobiliárias, mais 568 nascimentos, numa progressão de 37,2%, transversal a todas as regiões, em especial nos concelhos de Lisboa, Cascais e Porto; Construção, onde acrescem 408 nascimentos, ou seja, mais 25,4%, com maior destaque nos concelhos de Lisboa e Sintra; Alojamento e restauração, mais 274 nascimentos, tendo crescido 12,2%, com a maior contribuição a ser assumida pelo alojamento mobilado para turistas em Lisboa e Porto, apesar da restauração representar ainda 2/3 do total de nascimentos do setor; e por último, os Transportes, destacando-se mais 271 nascimentos, isto é, mais 56,0%, em particular as atividades de transporte ocasional de passageiros em veículos ligeiros, que mais que duplicou nos primeiros 5 meses de 2018, nomeadamente nos concelhos de Lisboa e Almada.

No âmbito do Projecto Douro Export, desenvolvido no Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial, os empresários de Portugal e Espanha da região Duero Douro podem se unir em um objetivo comum, aumentar os valores das suas vendas, através das exportações.

Escrito pelo Jornal Económico e editado na AECT Duero Douro.

Imagem de Opção Turismo da cidade de Sintra em Portugal.

1 comentario en “FORAM CRIADAS EM PORTUGAL 21 MIL NOVAS EMPRESAS, ONDE AS DE TURISMO TEVE DESTAQUE COM 1/3 DO TOTAL

  • O projeto é muito interessante e gratuito, no caso empresários do setor de Turismo interessem pode-se trazer algum benefício para a empresa, uma vez que no futuro vai ter algumas atividades, com o intuito de aumentar o valor das suas exportações.

    Marcelo Fagundes

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *